• Home
  • Notícias
  • Pages
  • Inteligência artificial no trabalho: aprenda como usá-la a seu favor – Mundo RH

Inteligência artificial no trabalho: aprenda como usá-la a seu favor – Mundo RH


A polêmica inteligência artificial tem conquistado cada vez mais espaço na vida das pessoas e no dia a dia das empresas. De acordo com uma pesquisa recente divulgada pela Microsoft e pela Edeman Comunicação, 74% das micro, pequenas e médias empresas do Brasil fazem o uso de inteligência artificial – dentro dessa estimativa, 20% ainda consideram um desafio a adoção dessa tecnologia. Afinal, ela veio para colaborar ou prejudicar a vida dentro do mercado corporativo? A Patricia Y. Agopian, especialista em Carreira Executiva, apresenta alguns pontos convincentes sobre por que e como os colaboradores e líderes podem adotar a IA no trabalho.
“Não há necessidade de se preocupar, mas sim de entender como é possível usar a inteligência artificial a seu favor. O segredo é fazê-la te servir, no lugar de ficar refém. Pense em maneiras de levar para a IA todas aquelas funções que podem ser operacionalizadas no dia a dia”, ensina. Algumas maneiras de fazer isso, ainda de acordo com a especialista, são: estudar sobre o tema, entender quais são as boas práticas e buscar se algum colega de trabalho já faz o uso, para pegar dicas.
Com a comparação e a cobrança latentes na era em que estamos vivendo, Agopian alerta sobre a importância de não querer se tornar um expert no uso da Inteligência artificial e isso acabar preenchendo o seu dia com tarefas de execução. A ideia é, sim, se interessar em conhecer um pouco mais sobre de que maneira os afazeres do dia a dia podem ser facilitados através dessa ferramenta.
O avanço da inteligência artificial pode servir como um impulsionador para cargos de alta liderança. “Quanto mais sistemas e ferramentas te acompanham, mais tempo você terá para cumprir o papel de um profissional estratégico e para desenvolver suas habilidades de liderança”, explica. A especialista afirma que não há possibilidade de a IA substituir as relações humanas. “Liderar é conduzir, engajar, ajudar e corrigir erros. Essas são funções que a inteligência artificial não pode dar, mas sim a relação entre pessoas. A carreira daquele que conduz negócios e pessoas para o alto nível de maneira íntegra não será abalada pelo avanço tecnológico”, comenta.
Para finalizar, Patricia Agopian lembra que algumas profissões podem sim sumir, porém, novas irão aparecer. “Esteja atento às oportunidades. Use a IA para tudo aquilo que possa ser operacionalizado e deixe seu tempo para se desenvolver e pensar em estratégias capazes de elevar o negócio e também para desenvolver suas habilidades como um Executivo de sucesso”, finaliza
Você precisa fazer o login para publicar um comentário.
Entre na sua conta!



source

Compartilhe:

Picture of Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria, aos 27 anos, é a mente criativa por trás da produção de textos da Kriahtiva. Com uma paixão inigualável pelo universo online, seus textos são faróis de inspiração, navegando pelos mares do marketing digital com inovação e expertise. Em cada artigo, ele transforma conceitos complexos em leituras envolventes, guiando os leitores por uma jornada única de descobertas no vasto mundo do marketing.

Sobre o autor

Picture of Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria, aos 27 anos, é a mente criativa por trás da produção de textos da Kriahtiva. Com uma paixão inigualável pelo universo online, seus textos são faróis de inspiração, navegando pelos mares do marketing digital com inovação e expertise. Em cada artigo, ele transforma conceitos complexos em leituras envolventes, guiando os leitores por uma jornada única de descobertas no vasto mundo do marketing.

Veja também

mais acessados

On Key

Related Posts

Inteligência artificial no trabalho: aprenda como usá-la a seu favor – Mundo RH