• Home
  • Notícias
  • Pages
  • Inteligência Artificial na Educação: 5 usos que professores precisam conhecer – TechTudo

Inteligência Artificial na Educação: 5 usos que professores precisam conhecer – TechTudo

Por {}
Usar chatbots e outros mecanismos de inteligência artificial (IA) pode ser uma boa opção para otimizar o tempo dos educadores em atividades cotidianas, sejam essas pedagógicas ou administrativas. Com a criação de mais dispositivos ligados às Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs), surgem novas possibilidades de aplicação nas diversas áreas do conhecimento e em qualquer segmento, da Educação Infantil ao Ensino Superior.
🔎Mestre do ChatGPT: 7 dicas para dominar a IA e ter as melhores respostas
🔔 Canal do TechTudo no WhatsApp: acompanhe as principais notícias, tutoriais e reviews
Segundo o diretor de tecnologia e um dos fundadores da Radix Engenharia e Desenvolvimento de Software, Geraldo Rochocz, “o campo de aplicação de Inteligência Artificial na Educação é gigantesco. O assistente pode ajudar a entender quais são as dificuldades de cada aluno e, portanto, consegue programar conteúdo específico, ajudando a customizar o trabalho”. Inteligências artificiais generativas, como ChatGPT, Gemini, Microsoft Copilot, MidJourney AI e muitas outras, pagas ou gratuitas, podem ser úteis em diferentes tarefas educacionais, desde a preparação de um plano de aula e montagem de slides à correção de provas. Confira, a seguir, cinco maneiras de usar IA para aprimorar e complementar práticas pedagógicas ou realizá-las de maneira mais rápida.
Como transformar textos em vídeos? Veja 5 IAs ‘estilo’ Sora
📝 ChatGPT is at capacity right now: o que isso significa? Descubra no Fórum do TechTudo

1. Planejar aulas

As ferramentas de geração de textos podem, por exemplo, ajudar os educadores a montar um plano de aula completo, baseado no prompt enviado. Isso quer dizer que, ao dar o tema e o tempo de duração, os chatbots enviarão também sugestões de atividades, métodos de explicação da teoria, materiais necessários, instrumentos avaliativos e mais.
Além disso, é possível elaborar atividades ou avaliações, a partir de comandos textuais básicos, conforme os objetivos da aula. Outra vantagem de utilizar a inteligência artificial para planejar aulas é economizar tempo de pesquisa, pois os dispositivos analisam um grande volume de dados em pouco tempo. Porém, vale lembrar que é importante checar as fontes de informação e se elas dialogam com o conteúdo proposto.

2. Personalização do Ensino

Para educadores que trabalham em diferentes instituições de ensino, pode ser trabalhoso pensar em atividades que tratem das especificidades das turmas ou dos estudantes. Por isso, as IAs podem ajudar ao sugerir adaptações no conteúdo educacional conforme as necessidades individuais de cada aluno, oferecendo atividades, exercícios e materiais que correspondam aos níveis educacionais e ao ritmo de aprendizado.
Essas ferramentas podem colaborar, também, para abordagens mais inclusivas. Dentre as aplicações, estão o apoio à aprendizagem, com mapas mentais, organizadores gráficos e recursos visuais, transcrição de áudio para texto e vice-versa.

3. Automatização de Tarefas

As IAs também podem ajudar em determinadas ações recorrentes, como a correção de atividades e avaliações ao analisar alguns tópicos específicos, como coesão e coerência entre ideias e parágrafos, identificar erros gramaticais e ortográficos e, ainda, podem ser programadas para corrigir questões discursivas e objetivas.
Além disso, é possível registrar em relatórios e monitorar o progresso dos estudantes por meio de métricas como número de erros e acertos e tempo de resolução das questões. Assim, o educador terá dados sólidos para realizar diagnósticos e trabalhar em prol de melhorias em áreas específicas.

4. Análise de Dados Educacionais

Dentre as vantagens de usar a inteligência artificial para o acompanhamento de processos educacionais está a facilidade em aplicar avaliações contínuas, para além de testes e provas comuns. Ao revisar e classificar dados avaliativos de modo automatizado, os educadores podem observar o desempenho dos estudantes e implementar outras técnicas de ensino e aprendizagem baseadas nesses estudos.
Além disso, a IA pode ajudar a identificar padrões de interpretação e comunicação entre as turmas facilitando, por exemplo, a escolha de materiais didáticos específicos para a complementação do conteúdo previamente estudado.

5. Engajar e motivar

As múltiplas inteligências são um tópico importante para pensar formas de participação ativa dos estudantes. Por isso, as Inteligências Artificiais podem colaborar para tornar as aulas mais gamificadas, ou seja, permitir o ensino de modo mais lúdico, com a elaboração de jogos e brincadeiras que podem servir não apenas como instrumento de engajamento, mas, também, como instrumento avaliativo.
Outra função do uso das IAs em sala de aula é a de incentivar a criatividade e a imaginação como, por exemplo, a partir da geração de imagens usando ferramentas como DALL-E 2 e MidJourney AI ou da criação de músicas com ferramentas como a Suno AI.
Com informações de UNESCO e World Economic Forum
*Essa matéria foi pensada a partir de um workshop para jornalistas sobre Inteligência Artificial, realizado pela Radix em 26 de junho de 2024.
O Jogo do Tigrinho se tornou popular entre os brasileiros por conta das propagandas nas redes sociais prometendo ganhos em dinheiro; tire dúvidas sobre o game e entenda os riscos
Plataformas na Internet disponibilizam várias imagens de árvore genealógica que podem ser preenchidas com nomes; veja como encontrar as ilustrações gratuitamente
PimEyes é uma plataforma controversa que utiliza inteligência artificial para encontrar fotos espalhadas por toda a Internet; entenda como funciona e por que o site pode ser perigoso
Para garantir os direitos sobre os benefícios do Cadastro Único, é necessário manter o registro familiar atualizado. Confira no tutorial como atualizar o CadÚnico
Agendamento de transmissões ao vivo será disponibilizado gradualmente para usuários da rede social; aplicativo também permitirá testar conexão e iluminação antes de lives com convidados
Versão online do editor de apresentações permite compartilhar edições com amigos e baixar documentos para o PC; veja como usar o PowerPoint online
Celulares que rodam Fortnite e número de jogadores estão entre as dúvidas sobre o Battle Royale da Epic Games
Novo game de sobrevivência contra zumbis desafia jogador a administrar recursos e criar uma pequena comunidade para enfrentar as criaturas.
App para Android e iPhone (iOS) traz exercícios gratuitos diários e sons relaxantes.
© 1996 – 2024. Todos direitos reservados a Editora Globo S/A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

source

Compartilhe:

Picture of Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria, aos 27 anos, é a mente criativa por trás da produção de textos da Kriahtiva. Com uma paixão inigualável pelo universo online, seus textos são faróis de inspiração, navegando pelos mares do marketing digital com inovação e expertise. Em cada artigo, ele transforma conceitos complexos em leituras envolventes, guiando os leitores por uma jornada única de descobertas no vasto mundo do marketing.

Sobre o autor

Picture of Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria, aos 27 anos, é a mente criativa por trás da produção de textos da Kriahtiva. Com uma paixão inigualável pelo universo online, seus textos são faróis de inspiração, navegando pelos mares do marketing digital com inovação e expertise. Em cada artigo, ele transforma conceitos complexos em leituras envolventes, guiando os leitores por uma jornada única de descobertas no vasto mundo do marketing.

Veja também

mais acessados

On Key

Related Posts

Inteligência Artificial na Educação: 5 usos que professores precisam conhecer – TechTudo