• Home
  • Notícias
  • Pages
  • Impactos e oportunidades da inteligência artificial em supply chain – WTW

Impactos e oportunidades da inteligência artificial em supply chain – WTW

Seus colaboradores desbloqueiam o seu potencial. Desde a determinação de como o trabalho é realizado e como ele é valorizado para melhorar a saúde e o bem-estar financeiro de sua força de trabalho, nós adicionamos perspectiva.
Sua habilidade de gerenciar riscos é a chave para o sucesso em um mundo incerto.
Mais do que nunca, aproveitar ao máximo seu capital significa resolver uma complexa equação de risco e retorno.
Clientes contam com a nossa expertise em indústrias especializadas
Junho 18, 2024
A inteligência artificial está provocando uma verdadeira revolução em setores e indústrias, e com o supply chain não é diferente. A integração de tecnologias avançadas como a IA, a internet das coisas (IoT), o big data, a robótica e o blockchain levam a cadeia de suprimentos para o patamar 4.0, proporcionando mais previsibilidade, eficiência e agilidade, da gestão de estoque à entrega para o consumidor final. Ao mesmo tempo, o setor vivencia um contexto volátil e incerto, com desastres naturais, guerras e crises impactando diretamente o fornecimento de produtos e o escoamento da produção.
É o momento de muitas mudanças e de traçar novas rotas para unir avanço e resiliência na gestão e na operação logística. Para isso, é importante que empresas compreendam os impactos da inteligência artificial na cadeia de suprimentos, os desafios que devem enfrentar, além de conhecer como a tecnologia pode apoiar na gestão de riscos. Saiba como se preparar para o futuro desde já.
Como o nome diz, o supply chain atravessa toda e qualquer indústria, porque atua desde a obtenção de matérias-primas e componentes até a fabricação, distribuição e entrega do produto. Portanto, a inteligência artificial também pode ser aplicada nas diversas etapas da cadeia, sendo uma tecnologia capaz de automatizar processos, otimizar rotas de transporte, além de analisar uma enorme quantidade de dados para prever demanda e mapear riscos.
Neste tópico, em específico, o mapeamento de riscos vale para identificar problemas antecipadamente, para que não se tornem críticos, por exemplo, alterações na demanda, congestionamentos e vias interditadas, movimentação suspeita de carga, desvio de rotas e até mesmo questões climáticas que possam impactar o fluxo logístico.
Marco Darhouni, diretor de Transportes, Casco, Auto Frota e Aviação na WTW, cita que entre os principais desafios dessa indústria estão as interrupções causadas por eventos globais, como pandemias e desastres naturais, que afetam a disponibilidade e o transporte de insumos. Além disso, há a crescente complexidade das redes de fornecimento globalizadas, que aumenta a dificuldade de coordenação e de comunicação entre os diversos parceiros e fornecedores. A volatilidade da demanda do consumidor, combinada com a pressão por maior sustentabilidade e práticas éticas impulsionadas pela agenda ESG, também impõem desafios significativos. A necessidade de visibilidade e transparência em toda a cadeia, juntamente com a crescente ameaça de ciberataques, requer investimentos contínuos em tecnologia e segurança.
Diante de desafios e inovações, o supply chain precisa encontrar os melhores caminhos para proteger o negócio e aumentar a competitividade. Neste aspecto, o seguro pode fornecer proteção financeira na parte de riscos operacionais, logísticos, garantindo mais segurança e a devida indenização em caso de eventuais prejuízos ocorridos nas mercadorias durante o fluxo logístico.
Seguindo a tendência de incorporar a inteligência artificial, seguradoras estão usando a tecnologia para avaliar riscos na cadeia de suprimentos, detectar fraudes e analisar dados. Além disso, seguradoras podem oferecer melhores apólices e coberturas para empresas que investem em inovações como a IA para monitorar e rastrear cargas, veículos e motoristas, pois comprovam os esforços para mitigar prejuízos e crises.
Na WTW, uma equipe especialista no setor de transporte e logística aplica a inteligência artificial para apoiar clientes a melhorar e otimizar as suas operações, analisando dados da operação e dos sinistros, obtendo indicadores, para as sugestões melhores tomadas de decisão na gestão de riscos, incluindo o aperfeiçoamento das políticas ESG relacionadas à prevenção de acidentes. Conforme ressalta Darhouni, “este tipo de governança permite a contratação de programas de seguros, com diversas vantagens, dentre elas, custos extremamente competitivos.”
Aproveitar a potência da tecnologia aliada ao conhecimento humano é uma forma bastante estratégica de reconfigurar a gestão de riscos na cadeia de suprimentos. Saiba mais sobre como a WTW pode ser parceria neste novo momento para a sua empresa.
Conheça a importância da avaliação patrimonial no mercado de seguros e obtenha insights valiosos sobre gestão de riscos
Copyright © 2024 WTW. Todos os direitos reservados.

source

Compartilhe:

Picture of Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria, aos 27 anos, é a mente criativa por trás da produção de textos da Kriahtiva. Com uma paixão inigualável pelo universo online, seus textos são faróis de inspiração, navegando pelos mares do marketing digital com inovação e expertise. Em cada artigo, ele transforma conceitos complexos em leituras envolventes, guiando os leitores por uma jornada única de descobertas no vasto mundo do marketing.

Sobre o autor

Picture of Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria, aos 27 anos, é a mente criativa por trás da produção de textos da Kriahtiva. Com uma paixão inigualável pelo universo online, seus textos são faróis de inspiração, navegando pelos mares do marketing digital com inovação e expertise. Em cada artigo, ele transforma conceitos complexos em leituras envolventes, guiando os leitores por uma jornada única de descobertas no vasto mundo do marketing.

Veja também

mais acessados

On Key

Related Posts

Impactos e oportunidades da inteligência artificial em supply chain – WTW