• Home
  • Notícias
  • Pages
  • Governo federal determina que a Meta suspenda o uso de dados de brasileiros para treinar inteligência – Jornal O Sul

Governo federal determina que a Meta suspenda o uso de dados de brasileiros para treinar inteligência – Jornal O Sul

Quarta-feira, 03 de julho de 2024
Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui
RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE
Por Redação O Sul | 2 de julho de 2024
Compartilhe esta notícia:
Em nota, a Meta afirmou estar “desapontada” com a decisão
A ANPD (Autoridade Nacional de Proteção de Dados) determinou que a Meta – dona do Facebook, do Instagram e do WhatsApp – suspenda o uso de dados pessoais dos brasileiros para treinar sistemas de IA (inteligência artificial) generativa – ou seja, para compor o banco de dados usado pela IA para gerar respostas automatizadas.
O despacho foi publicado no Diário Oficial da União desta terça-feira (2) e prevê multa de R$ 50 mil por dia em caso de descumprimento “em virtude do risco iminente de dano grave e irreparável ou de difícil reparação aos direitos fundamentais dos titulares afetados”.
Segundo o despacho da ANPD, vinculada ao Ministério da Justiça e Segurança Pública, a ordem é para cumprimento imediato. No prazo de cinco dias, a partir de quando for intimada, a Meta deve apresentar ao governo documentação que ateste a mudança da Política de Privacidade dos serviços da empresa para excluir esse trecho sobre o uso dos dados pessoais para treinar IA generativa e declaração assinada por representante legal atestando que o uso dos dados foi suspenso.
Em nota, a Meta afirmou estar “desapontada” com a decisão da autoridade nacional e defendeu que a abordagem da empresa para a inteligência artificial está de acordo com a legislação brasileira.
“Estamos desapontados com a decisão da ANPD. Treinamento de IA não é algo único dos nossos serviços e somos mais transparentes do que muitos participantes nessa indústria que têm usado conteúdos públicos para treinar seus modelos e produtos,” disse a empresa.
“Nossa abordagem cumpre com as leis de privacidade e regulações no Brasil e continuaremos a trabalhar com a ANPD para endereçar suas dúvidas. Isso é um retrocesso para a inovação e a competitividade no desenvolvimento de IA, e atrasa a chegada de benefícios da IA para as pessoas no Brasil”, prosseguiu a Meta.
Compartilhe esta notícia:
Voltar Todas de Brasil
Fale Conosco
© 2024 – Direitos Reservados – O Sul – Rede Pampa de Comunicação | RS – Brasil.

source

Compartilhe:

Picture of Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria, aos 27 anos, é a mente criativa por trás da produção de textos da Kriahtiva. Com uma paixão inigualável pelo universo online, seus textos são faróis de inspiração, navegando pelos mares do marketing digital com inovação e expertise. Em cada artigo, ele transforma conceitos complexos em leituras envolventes, guiando os leitores por uma jornada única de descobertas no vasto mundo do marketing.

Sobre o autor

Picture of Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria, aos 27 anos, é a mente criativa por trás da produção de textos da Kriahtiva. Com uma paixão inigualável pelo universo online, seus textos são faróis de inspiração, navegando pelos mares do marketing digital com inovação e expertise. Em cada artigo, ele transforma conceitos complexos em leituras envolventes, guiando os leitores por uma jornada única de descobertas no vasto mundo do marketing.

Veja também

mais acessados

On Key

Related Posts

Governo federal determina que a Meta suspenda o uso de dados de brasileiros para treinar inteligência – Jornal O Sul