• Home
  • Notícias
  • Pages
  • Fotos de crianças brasileiras são usadas por IA de forma indevida – agenciabrasil.ebc.com.br

Fotos de crianças brasileiras são usadas por IA de forma indevida – agenciabrasil.ebc.com.br

Ex.Saúde, Presidente, Governo
Um levantamento da organização internacional Human Rights Watch identificou uso de fotos pessoais de crianças e adolescentes brasileiros por ferramentas de inteligência artificial (IA). De acordo com a entidade, as imagens foram retiradas de sites e mídias sociais sem consentimento.
A entidade encontrou 170 fotos de crianças de pelo menos 10 estados, que retratam momentos de nascimento de bebês, festas de aniversário e apresentações em escolas.
As imagens estão em um banco de dados chamado LAION-5B, utilizado para o treinamento das ferramentas de IA. Segundo a organização, o percentual é baixo diante da dimensão do acervo do banco, que passa de 5 bilhões de imagens, porém acende um alerta.
“Algumas dessas fotos foram postadas por crianças e adolescentes, seus pais ou familiares em blogs pessoais e sites de compartilhamento de fotos e vídeos. Algumas foram postadas anos ou até mesmo uma década”, diz nota da Human Righs Watch.
A pesquisadora de Direitos da Criança e Tecnologia da Human Rights Watch, Hye Jung Han, explica que a inteligência artificial permite a criação de imagens e cenas realistas em questão de segundos, gratuitamente e de forma fácil. Com isso, muitas das fotos são base para o desenvolvimento de deepfakes não consensuais e nocivas, que circulam na internet.
A deepfake permite a adulteração de vídeos e fotos por meio de inteligência artificial. Um exemplo, é trocar rostos das pessoas em um vídeo ou mudar a fala.
Segundo a Human Rights Watch, as fotos das crianças brasileiras não estão disponíveis por meio de pesquisa on line e foram postadas há anos, até mesmo antes da criação do banco de imagens. O acesso a elas pelas ferramentas de IA revela que houve falha por parte de grandes empresas e mídias sociais em proteger a privacidade dos usuários.  
A organização informou que a instituição alemã responsável pelo LAION-5B “confirmou que o conjunto de dados continha as fotos pessoais das crianças encontradas pela Human Rights Watch e se comprometeu a removê-las. Ela contestou que os modelos de IA treinados no LAION-5B pudessem reproduzir dados pessoais literalmente. A LAION também disse que as crianças e seus pais são responsáveis por remover suas fotos pessoais da Internet, argumentando ser a proteção mais eficaz contra o uso indevido”.
A coordenadora do Programa Criança e Consumo do Instituto Alana, Maria Mello, defende a aplicação da legislação no mundo virtual para proteção dos usuários.
“É importante e bem-vinda a inclusão de novos direitos a partir dos desafios colocados em relação ao ambiente digital, incluindo da inteligência artificial. A gente precisa garantir o dever de cuidado com crianças e adolescentes, quando são os públicos mais afetados”, disse a pesquisadora em entrevista à TV Brasil.

Edição: Carolina Pimentel
Para governo ucraniano, paz só pode ser baseada na retirada total das forças russas e na restauração de sua integridade territorial.
Para desembargadora, se o consumidor paga mesmo quando não usa o serviço, a operadora não pode, desmotivadamente, quando lhe convém, abandonar o consumidor à própria sorte.
“Faremos transição para o abandono dos combustíveis fósseis nos sistemas de energia de forma justa, ordenada e equitativa, acelerando as ações nesta década crítica”, diz prévia do documento.
Imóvel está localizado em área de encosta, com inclinação acentuada e grande possibilidade de deslizamento por não incluir obras de contenção.
Apesar de número absoluto de acidentes ter aumentado mais na rede sob concessão do que sob gestão pública, taxas de ocorrências e de gravidade continuam maiores na rede pública.
Para doar sangue, é preciso estar bem de saúde, ter de 16 a 69 anos e pesar mais de 50 quilos, diz o Ministério da Saúde. Jovens de 16 e 17 anos precisam de consentimento dos responsáveis.
Em 2022, foram mais de 14 mil gestações de garotas com até 14 anos de idade no país. Elas são as principais vítimas de estupro, na maioria das vezes cometido por parentes.
Atividades práticas incluem oficinas para construção de foguetes com garrafas pet e de bases de lançamento, além de uma maquete do sistema solar, em escala proporcional.
Após 20 anos de dedicação ao esporte, a mesatenista vai disputar a primeira Paralimpíada da carreira. A jornalista e repórter da TV Brasil foi convidada pela Federação Internacional de Tênis de Mesa (ITTF) a competir nos Jogos de Paris 2024.
Dezenas sorteadas foram 11 – 17 – 24 – 26 – 35 – 43. A quina teve 69 ganhadores, e cada um irá receber R$ 39.700,69. Outros 4.581 acertaram a quadra e terão o prêmio individual de R$ 854,25 cada.
Conheça nossos aplicativos nas lojas online da iTunes e Google

source

Compartilhe:

Picture of Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria, aos 27 anos, é a mente criativa por trás da produção de textos da Kriahtiva. Com uma paixão inigualável pelo universo online, seus textos são faróis de inspiração, navegando pelos mares do marketing digital com inovação e expertise. Em cada artigo, ele transforma conceitos complexos em leituras envolventes, guiando os leitores por uma jornada única de descobertas no vasto mundo do marketing.

Sobre o autor

Picture of Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria, aos 27 anos, é a mente criativa por trás da produção de textos da Kriahtiva. Com uma paixão inigualável pelo universo online, seus textos são faróis de inspiração, navegando pelos mares do marketing digital com inovação e expertise. Em cada artigo, ele transforma conceitos complexos em leituras envolventes, guiando os leitores por uma jornada única de descobertas no vasto mundo do marketing.

Veja também

mais acessados

On Key

Related Posts

Fotos de crianças brasileiras são usadas por IA de forma indevida – agenciabrasil.ebc.com.br