• Home
  • Notícias
  • Pages
  • Entenda como a Inteligência Artificial foi aplicada na CASACOR SP 2024 – CASACOR – CASACOR

Entenda como a Inteligência Artificial foi aplicada na CASACOR SP 2024 – CASACOR – CASACOR

Nesta edição da CASACOR São Paulo, a Inteligência Artificial (IA) foi aplicada no design de três projetos para ampliar as possibilidades de expressão das ideias apresentadas por cada um deles. A partir do uso desse recurso tecnológico, os arquitetos dos ambientes Ocupação Terreiro, Acalanto e Encontros e Ristorantino Caffè projetaram novas imagens, texturas, simbologias, efeitos visuais e até sons visíveis. Entenda!
No espaço-instalação artística Ocupação Terreiro, a inteligência artificial foi usada para questionar a distorção da representatividade negra dentro do universo digital. “Os prompts que são gerados por IA têm uma distorção bastante grande do físico e das simbologias negras”, explica Alexandre Salles, líder do Estúdio Tarimba e arquiteto que concebeu o ambiente.
Junto ao designer Indio San, Salles trabalhou para criar no espaço uma imagem que fosse de fato representativa e estabelecesse um contraponto à falta de presença negra nas mídias geradas por IA. O resultado desse processo foi a projeção das Pretas Velhas e dos Orixás do Futuro, imagens que levam consigo uma provocação, conta o arquiteto: “O objetivo foi questionar qual tipo de imagem a gente pensa ou quer para o futuro, especialmente nesse recorte negro”. 
Uma publicação compartilhada por Indio San (@indio_san)
Salles dá continuidade a sua análise metalinguística sobre a IA em uma das paredes do espaço, a qual ele caracteriza como um código do futuro. A parede foi gerada por meio de prompts alimentados da pesquisa realizada pelo arquiteto para projetar o ambiente na CASACOR. “A ideia é ela ser justamente esse código abstrato, como se o futuro estivesse nos trazendo uma mensagem”, afirma. Para isso, Salles centralizou a frase “sem folha, não há orixá” — a qual ele descreve como uma “frase-gatilho” e interpreta como um chamado à questão ambiental e espiritual. 
A Inteligência Artificial também aparece como uma expressão da representatividade no ambiente Acalantos e Encontros, assinado pelo arquiteto Bruno Moraes. Neste caso, a tecnologia marca presença na peça que dá nome ao projeto: o tapete Acalanto, que traz uma inovação ao design por ser uma música indígena congelada em tapeçaria.
O uso da IA foi o que permitiu ao arquiteto e sua equipe do BMA Studio transformar as ondulações sonoras da música em ondulações visuais, para então sobrepô-las e imprimi-las no desenho do tapete. “Depois que foram retirados os fragmentos da música, juntamos as ondulações sonoras em um software para visualizar como ficaria uma onda ao lado da outra, e o modelo foi confeccionado com curvas perfeitas que representam as ondas sonoras separadas”, detalha Bruno. 
A capacidade de criar diferentes efeitos visuais a partir do uso da Inteligência Artificial se expande até um dos últimos projetos do percurso da CASACOR, o Ristorantino Caffè. Ao adentrar no ambiente da Guardini Stancati Arquitetura e Design, a arquitetura paramétrica presente no teto é, provavelmente, o primeiro elemento notado pelo visitante. Para que esse resultado fosse alcançado, recursos de IA foram aplicados em duas etapas. 
Primeiramente, foram geradas imagens por meio da inteligência artificial para a obtenção de referências de pesquisa, o que permitiu aos arquitetos explorarem um repertório de materiais e volumetrias. “Isso nos alimentou de ideias para a concepção e  criação do nosso projeto”, contam os arquitetos e designers de interiores Dani Guardini e Adriano Stancati. 
Mas o efeito 3D provocado no teto veio em um segundo momento, em que a IA foi utilizada na elaboração do projeto do forro, feito pelo software Rhino com o plugin Grasshpper. “Fomos gerando e regulando prompts e códigos de acordo com o efeito visual que estávamos buscando”, explicam Dani e Adriano. Assim, os arquitetos engendraram o projeto volumétrico do grid, que deu origem ao formato icônico do teto do Ristorantino Caffè.  
Onde: Conjunto Nacional, na Avenida Paulista, 2073 – São Paulo (SP)
Quando: de 21 de maio a 28 de julho de 2024
Horário bilheteria:
Terça a sábado, das 12h às 22h
Domingos e feriados, das 11h às 21h
Bilheteria digital:
https://appcasacor.com.br/en/events/sao-paulo-2024
Valores dos ingressos:
R$ 111 – Inteira
R$ 56 – Meia-entrada
Compra de ingresso de meia-entrada: idoso a partir de 60 anos, estudante apresentando o documento válido com foto ou recibo de pagamento. Deficiente e seu acompanhante (conforme lei 12.933/13). A comprovação de meia-entrada será exigida na porta.
Você receberá nossas newsletters pela manhã de segunda a sexta-feira.
Abril Comunicações S.A., CNPJ 44.597.052/0001-62 – Todos os direitos reservados.

source

Compartilhe:

Picture of Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria, aos 27 anos, é a mente criativa por trás da produção de textos da Kriahtiva. Com uma paixão inigualável pelo universo online, seus textos são faróis de inspiração, navegando pelos mares do marketing digital com inovação e expertise. Em cada artigo, ele transforma conceitos complexos em leituras envolventes, guiando os leitores por uma jornada única de descobertas no vasto mundo do marketing.

Sobre o autor

Picture of Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria - Redação Kriahtiva

Marcelo Faria, aos 27 anos, é a mente criativa por trás da produção de textos da Kriahtiva. Com uma paixão inigualável pelo universo online, seus textos são faróis de inspiração, navegando pelos mares do marketing digital com inovação e expertise. Em cada artigo, ele transforma conceitos complexos em leituras envolventes, guiando os leitores por uma jornada única de descobertas no vasto mundo do marketing.

Veja também

mais acessados

On Key

Related Posts

Entenda como a Inteligência Artificial foi aplicada na CASACOR SP 2024 – CASACOR – CASACOR